A Liga – Obesidade

14 04 2011

A Liga é um programa jornalisco da band que mostra semanalmente assuntos polêmicos. Em uma matéria bastante realista e inteligente eles mostram como é o dia-a-dia de obesos.

 

 

Nesse primeiro vídeo podemos ver um incentivo ao obesos, o Bruno, filho de Marcos que após fazer a cirugia bariátrica conseguiu perder 90Kg em menos de 2 anos. Pra mim ele é um ótimo exemplo de força de vontade e determinação. Que tal olhar pra ele e se inspirar?!?!

Marcos tomou vários medicamentos para tentar reduzir o peso, os chamados moderadores de apetite, mas como ele relatou esses remédios causam, além de outros efeitos colaterais, a alteração no humor o que fez com que ele desistisse do tratamento e ganhasse ainda mais peso. Essa é a realidade de muitas pessoas que usam os moderadores de apetite, as promessas são muito lindas, mas quando os efeitos colaterias começam a aparecer impossibiltando a continuação do tratamento o ganho de peso é ainda maior. (Mais uma prova de que reeducação alimentar é a melhor solução para perde de peso SAUDÁVEL)

O Rogério já fez várias dietas, inclusive a dos carboidratos e agora, como respórter de A Liga tentará métodos alternativos que encontrou na internet, vamos ver o que acontece…

 

 

A Giovana sempre foi “gordinha”, e teve maior ganho aos 12-13 anos. Ela diz não haver nehum episódio que marcasse sua vida fazendo-a comer mais. Como ela disse “sempre gostou muito de comer”.

Fica então um aviso aos pais, não tem problema gostar de comer, gostar de alimentos supérfluos, mas tem que saber comer, tem que ter limites e mostrar pra criança e pro adolescente que não é uma questão de estética é saúde ou a falta dela.

Rafinha perguntou se existem mesmo pessoas que comem muito e mesmo assim são magras. Sim, existem. Essas pessoas normalmente tem o metabolismo mais acelerado e por isso gastam muitas calorias, elas tem o TMB (taxa de metabolismo basal) mais alta, ou seja, gastam mais energia em repouso fazendo com que reservem pouca energia em forma de gordura. Mas é necessário avaliar essas pessoas, é muito comum ver, principalmente, mulheres magras que comem muito que quando são avaliadas mais profundamente (análise de porcentagem de gordura e massa magra) tem um percentual de gordura muito elevado, são as chamadas falsas magras.

A vida dessas pessoas realmente é bastante complicada e merece total atenção. O transporte público ainda é muito limitado. “A catraca é do tamanho normal”. O que é normal o funcionário nao soube responder, mas então eu pergunto ONDE ESTÁ A INCLUSÃO SOCIAL??? A falta de respeito também é grande. Não é preciso pedir pra sentar em local reservado a eles, é?!? E sair de perto? Essas são situações vividas por obesos todos os dias. Eles tem que melhorar a saúde e você a educação.

Mais uma vez Rogério tenta e compra mais produtos que prometem a perda de peso. Será que eles vão funcionar?

O caso do João Vitor de 11 anos é clássico. Ele convive com bulling na escola e a incompreensão do professor de educação física. Apelidos, desprezo…Ele até tenta dizer que não se importa, que já se acostumou, mas as lagrimas nos olhos nos mostram outra coisa.

 

 

“Gordo vive pra comer” (Bruno). Não é só o gordo, a maioria das pessoas são assim, se estamos tristes precisamos comer, se ansiosos comemos por impulso, se estamos felizes a comemoração é em um rodízio de carne.

“Magro e esbelto…Magro e esbelto…Magro e esbelto…” Rogério disse que conseguiu ficar mais calmo com a hipnose, a ansiedade passou, mas a fome ainda continua e uma “senhora” barra de chocolate entra em cena.

É possível perceber que a Giovana já esta bastante ofegante, consequência de sedentarismo e do excesso de peso.

“Qual é o tamanho da solidariedade das pessoas?” Somente uma pessoa ajudou a “gordinha” a carregar as sacolas…

“Dieta não é passar fome é comer e comer com consciêcia”.

Não há idade, a obesidade atinge crinaças, bebês, adolescentes, adultos, idosos, gestantes…. e as consequencias e complicações dela também.

 

 

“Só hoje, juro” A frase de Rogério é muito comum. Quem nunca disse isso? O problema é que nao é só hoje, todos sabemos disso. Quando se trata de perder peso é necessário que se tenha muita disciplina, muita mesmo.

No caso do Rogério esses métodos, provavelmente, não vão funcionar. Ele precisa de uma reeducação alimentar. Chocolate, sanduiche, salgadinhos, etc, etc…assim ele só vai ganhar peso. Se reeducar não é fácil, até porque essa dieta que ele segue é muito gostosa, mas com o tempo a pessoa se acostuma e passa a gostar da dieta saudável. Um dos problemas é que muitas pessoas não procuram um profissional adequado para fazer a reeducação (nutricionista) e faz uma dieta muito restritiva e com preparações horríveis…é claro que ela vai desistir. Uma dieta balanceda e saudável não precisa ser ruim.

Ônibus, metrô, taxi e até avião. Comprar 2 poltronas? Inacreditável.

A ciruria é uma das melhores opções para essas pessoas, mas é preciso saber que mesmo após a cirurgia é importante manter hábitos saudaveis pra conseguir manter o peso ideal.

 

 

É isso ai…autoridades do nosso Brasil, mais leitos para os obesos. Obesidade é doença e tem que ser tratada como tal.

 

 

Realmente a sociedade precisa respeitar mais.

Cada um com seus deveres…O dos obesos é mudar de hábitos para serem mais saudáveis e o nosso é respeitar os direitos deles.

A mudança começa na “cabeça” da pessoa. Ela tem que querer e entender que é o melhor.

 

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: